Uma nova opção de relógios.


















O relógio de pulso chegou em sua terceira geração, depois dos analógicos e digitais, somos presenteados com os relógios inteligentes, ou smartwatchs. Esses acessórios se conectam com smartphones fornecendo notificações, e dados em tempo real. Tais aparelhos possuem a tendencias de crescer no mercado de acessórios devido ao seu espírito dinâmico, sendo não só um acessório estético mais também uma ferramenta de trabalho. Vamos conhecer os principais modelos no mercado.

Apple Watch
Mais um produto da Apple que como sempre esta preocupado com a aparência de seus produtos. Tal produto tem como principal característica a forma retangular da tela, possuindo vários estilos de pulseira. O Apple watch tem uma aparência única devido aos materiais utilizados em sua produção, basta procurar que você irá encontrar um modelo que seja mais adequado a sua preferencia.

Pebble Watch
Produto criado através de uma campanha bem sucedida de kickstarter, este relógio se conecta tanto a telefones com Android ou IOS, assim ele pode mostrar as notificações de ambas as plataformas. Talvez seja a linha de smartwatch que possua mais modelos, redondos, quadrados e retangulares.

Motorola Moto 360
Particularmente é o meu favorito, criado para a plataforma Android possui um visual que ganha pela simplicidade. A sua tela redonda ajusta automaticamente o brilho ao ambiente, o que torna a visualização do conteúdo mais natural. Possui diversas opções de pulseiras além do modelo contar com uma versão esportiva.

Huawei Watch
Possui o espírito do Moto 360, porém por dificuldades técnicas na produção do acessório, seu tamanho foi aumentado para conseguir agregar uma boa tela e uma bateria de duração mais longeva.














Tal linha de relógios se encaixa perfeitamente naqueles que gostam de tecnologia. Estes aparelhos fornecem ao usuário desde notificações de redes sociais, informações relevantes como notícias e compromissos marcados. Infelizmente o ponto fraco dos smartwatchs é o seu preço que geralmente é muito elevado, mas talvez quando houver mais procura a estes acessórios, mais modelos irão surgir no mercado e assim o seu preço pode baixar. Até a próxima e tenha uma ótima semana! Sucesso a todos!!

Óculos Aviador, um pouco de sua história



Talvez um dos modelos de óculos escuros mais popular do mundo seja o aviador, utilizado por astros nacionais e internacionais a mais de meio século, teve em seu advento finalidade completamente diferente da estética.

Inspirações da semana!

Uma nova semana se inicia, com ela iremos nos deparar com novos desafios e oportunidades!
Assim para começar nossa labuta semanal segue algumas imagens para nos inspirar a montar uma identidade visual bacana!









Vai um cafezinho?

drinks cafe

Talvez nenhuma bebida se associe mais a rotina da vida contemporânea do que o café. Bebida originária da Etiópia, possivelmente descoberta por pastores de cabra quando estes perceberam uma mudança de comportamento nos rebanhos quando se alimentavam com as folhas do caffeiro.

Bourbon ou Whiskey? Entenda a diferença!

Com frequência ouço a seguinte pergunta – Qual a diferença entre o Bourbon e o Whiskey? Assim sendo, este texto visa sanar essa dúvida!
O Whiskey é basicamente uma bebida de grãos destilada que foi envelhecida em barris de carvalho. Existem diferentes tipos de Whiskey, e cada um requer diferentes ingredientes (milho, malte, trigo, centeio, etc.) e diferentes processos de destilação e armazenamento. Por exemplo a versão escocesa da bebida, o Scotch Whisky, tem como principal marca de identidade o uso do malte (ingrediente obtido da germinação da cevada), necessita ser destilada duas vezes e passa por um processo de maturação de pelo menos três anos em barris de carvalho.
Podemos dizer que “todo Bourbon é um Whiskey, mas nem todo Whiskey é um Bourbon”. O Bourbon é a versão americana da bebida, e as destilarias tradicionais se encontram no estado do Kentucky, no condado de Bourbon (particularmente achava que bebida era francesa devido ao nome da dinastia Bourbon, porém a região americana de onde se originou esta bebida recebeu o nome em homenagem a esta mesma família real). Para se dizer que um Whiskey é Bourbon, o produto deve seguir as seguintes diretrizes:
  • Deve ser feito nos Estados Unidos
  • A mistura de grãos de contem pelo menos 51% de milho
  • Deve utilizar barris de carvalho novos para o processo de envelhecimento
  • A cor e sabor deve ser obtida de forma natural, sem a utilização de aditivos
  • A destilação deve ser realizada com menos de 80% de volume de álcool






Assim como existem diversos tipos de cervejas( Pilsen, Lager, IPA, Pale Ale), existem diversos tipos de Whiskey (Bourbon, TENNESSEE, Scotch, Whisky Irlandês, etc...), assim a afirmativa “todo Bourbon é um Whiskey, mas nem todo Whiskey é um Bourbon” pode se estender para “todo Scotch é um Whiskey, mas nem todo Whiskey é um Scotch ” e assim por diante.


Bem, espero que tenham gostado, até a próxima!

Assine

Assine nossa newsletter e receba por email as últimas notícias e informações do Blog Esporte Fino!

Email: